ser atleta

Ser é um verbo irregular, intransitivo e predicativo que implica identidade, particularidade e existência. Tudo o que existe é ser. Ser é o poder de existir.

Atleta é substantivo bi-gênero derivado do grego athletes – aethos – que significa combate, luta ou prova. É a pessoa que pratica esporte.

Ser Atleta refere-se a pessoas que existem para representar a identidade de quem se dedica ao esporte. Trata-se de cidadãs e cidadãos de um século marcado por profundas cicatrizes nacionais e internacionais. No cotidiano dessas pessoas, não raro atravessado pela precariedade, pela desigualdade e falta de oportunidade, brilha o ideal de um imaginário olímpico que consagra esses poucos à eternidade de quem se dedica ao esporte."

Ser Atleta refere-se a pessoas que existem para representar a identidade de quem se dedica ao esporte. Trata-se de cidadãs e cidadãos de um século marcado por profundas cicatrizes nacionais e internacionais."

Essa virto-exposição tem como proposta apresentar de forma crítica a história do esporte olímpico brasileiro a partir da ótica dos atletas. Razão de ser do esporte, essas pessoas com habilidade fora da média imprimem pela estética de seus corpos a marca da imortalidade por seus feitos, ainda que sejam essencialmente humanos.

Aqui se faz um resgate das múltiplas identidades de atletas que dedicaram parte de suas vidas ao esporte olímpico brasileiro.

Além de atletas, são também pessoas que vivem a diversidade cultural do momento histórico ao qual pertencem. Diversos, alteros, diferentes, negros, mulheres, migrantes, LGBTQIAP+ são acima de tudo pessoas de seu tempo que ilustram com suas vidas a complexa relação entre esporte e sociedade.

Katia Rubio
Curadora da exposição Ser Atleta

Corpo e existência, além do esporte

A ideia de vencer obstáculos e superar os limites do corpo vai além do esporte. Muitas dessas dificuldades impostas referem-se também a um corpo social, em cujas tessituras residem múltiplas e diversificadas maneiras de ser e estar no mundo. A livre vivência dessa diversidade, quando dificultada, impacta, direta ou indiretamente, toda a sociedade.

Encontrados em diferentes áreas, tais empecilhos afetam também as práticas esportivas, sobretudo em âmbito profissional e competitivo, que sujeita atletas às regras e convenções referentes ao contexto em que vivem. Dessa forma, a figura atleta representa mais do que o desempenho de seus corpos em competição, simboliza a trajetória de uma vida sob as mais diversas situações, entre êxitos e adversidades.

Nessa perspectiva, a exposição “Ser Atleta” aborda a relação entre esporte e temas contemporâneos emergentes como questões étnico-raciais, de gênero e sexualidade, de identidade e pertencimento. Com curadoria de Kátia Rubio, o projeto apresenta vivências de atletas olímpicos e paralímpicos brasileiros, de diferentes épocas e modalidades esportivas. Entendendo que reconhecimento e respeito à alteridade são fundamentais para a conquista de uma sociedade mais justa e democrática, o Sesc oferece atividades a fim de corroborar com a reflexão acerca dos papéis sociais que todos nós temos na defesa de direitos, no cumprimento de deveres, enfim, no exercício da cidadania.


Danilo Santos de Miranda
Diretor Regional do Sesc São Paulo

Confira os marcos históricos, avanços e retrocessos sociais, que nos ajudam a contar essa complexa relação entre esporte e sociedade.


Conheça aqui todos os atletas olímpicos e paralímpicos brasileiros, que participaram dos jogos de 1920 a 2016.

Acesse materiais direcionados para professores e educadores, visitas virtuais mediadas e jogos online.